Editorial 11 de agosto de 2017

Companheiros, enquanto o ministro da Fazenda faz roleta russa contra o povo para decidir de onde arrancar dinheiro para estancar a farra da gastança e da incompetência pelo déficit fiscal, que já arrombou o cofre do governo em mais de 150 bilhões de reais, os iluminados do Planalto acabam de anunciar um corte violentíssimo no programa bolsa família, acabando com o benefício de mais de meio milhão de famílias no mês de julho. Se somarmos os cortes anteriores, o número chega a um milhão e meio de famílias excluídas do programa. Um ato criminoso que pelos números absurdos dá para ver que este governo impopular elegeu os pobres para cristo. Na visão da elite conservadora e escravagista, o pobre é sempre um problema para o país. Tudo de ruim que acontece com o governo, a culpa e a conta caem sempre no colo do povo pobre.  E não satisfeitos com os cortes de verbas nos   programas sociais, nos cortes na educação, na saúde, na ciência e tecnologia e nos investimentos que poderiam alavancar e retomar o desenvolvimento do país, os burocratas entreguistas, agora, voltam suas metralhadoras para a Previdência Social. O instituto que abriga milhões de pobres aposentados e pensionistas virou boi de piranha para que a elite empresarial escravocrata, mais uma vez, saia ilesa a qualquer tipo de imposto e ainda possa depositar algum no cofre, guardado fora do país é claro. Ao estrangular o povo com esta política criminosa, este mesmo governo incentiva seus deputados subservientes a criarem um fundo para financiamento de campanhas eleitorais, de mais de três bilhões e 500 milhões de reais, para serem torrados já nas eleições do ano que vem. Um fundo descarado que recebeu o pomposo nome de fundo para a democracia, o que só pode ser provocação e escárnio daqueles que não estão nem aí para o sofrimento do povo. Portanto, companheiros, chega de aguentarmos calados a essa enxurrada de atos criminosos que atentam contra a vida e a dignidade do povo brasileiro. Temos que lutar e reagir, porque só quem luta conquista. Pensem nisso e tenham um bom dia. 

*Eusébio Pinto Neto – presidente da Fenepospetro

porn Porn