Editorial 3 de agosto de 2017

Companheiros, o povo brasileiro em meio a revolta e desesperança, acompanhou ontem, pelos meios de comunicação, a uma das páginas mais vergonhosas da história política do Brasil com a rejeição da denúncia contra o ainda presidente Michel Temer. 263 deputados vendilhões e traíras apunhalaram, mais uma vez, a esperança do povo que clama por justiça e decência. Sem dar a mínima bola para este mesmo povo que os elegeu, esses deputados fisiológicos garantiram a permanência do império do mau e elegeram a corrupção como suas bandeiras. E quanto ao povo? Ora, o povo que se lasque, dizem esses deputados que estão ali para defender os interesses das elites, do grande capital nacional e internacional, porque eles querem é mamar nas tetas volumosas da corrupção. Inquestionavelmente, a maioria deste Congresso Nacional acocorado e fanfarrão, está lá para se servir nas inúmeras mamatas do poder e não para servir ao povo brasileiro cujos interesses e aspirações são atropelados por essa camarilha insaciável. Dessa denúncia, o ainda presidente escapou, mas outras denúncias fatalmente virão, porque este governo que está caindo de podre, está atolado até o pescoço em casos escabrosos de corrupção. E de toda essa imundície fica a lição para a classe trabalhadora e para todo o povo brasileiro de que nas próximas eleições temos que ter consciência e a obrigação moral de jogarmos na lata do lixo da história todos esses capachos do poder que, mais uma vez, nos traíram e se venderam, desavergonhadamente, adiando, temporariamente, a concretização dos nossos sonhos de vivermos numa sociedade justa, igualitária e plena no desenvolvimento social e econômico. Portanto, companheiros vamos ficar de olho nesses traíras, porque a vitória demora, mas vem! Pensem nisso e tenham um Bom dia.

*Eusébio Pinto Neto – presidente da Fenepospetro

porn Porn